Reflexão materna: Respeito é bom

Há tantos problemas no convívio entre as pessoas. E na maternidade isso não é diferente, falta respeito de mães com outras mães e de pessoas que não tem filhos com as mães. Quando uma pessoa que ama o filho, decide algo sobre a criação dele, mesmo que você não concorde, respeite. Se você tiver filhos, faça diferente com os seus, e se você não tiver, quando você tiver os seus, você poderá fazer as suas escolhas e vai exigir que o outro o respeite. 

O que mais me incomodou depois dos meus filhos, foram as críticas, aquelas que não nos agregam nada. Eu fiz escolhas bem polêmicas para a criação do meu filho, e algumas pessoas não me respeitaram, e isso é tão difícil. Com a maternidade eu aprendi que você deve respeitar o outro, e sua opinião só é válida se alguém pedir. Não critique, não fale por trás, se não for ajudar, simplesmente respeite. Eu sou a favor do aleitamento materno, pelos motivos óbvios, ele é o melhor alimento do mundo, e não sou que estou afirmando isso, é só você pesquisar os benefícios nutricionais, psicológicos, econômicos e de saúde em amamentar. Porém, se você decidir que vai dar mamadeira, não vou entrar em méritos, só se você perguntar minha opinião. Já desrespeitei a escolha de outras pessoas, e ao virar mãe, tenho aprendido a cada dia o valor do respeito.

Entenda uma coisa, o filho não é seu, e você não conhece a realidade do outro, o motivo e peso de suas escolhas, e a maternidade nos muda. Você pode não concordar com algo, mas o que aqueles pais vivem com o filho, não tem a ver com você. Respeite.

Seria genial se…

Proibiu visitas nos primeiros dias. Respeite a decisão do outro. Deu mamadeira ao invés de amamentar. Respeite a opinião do outro. Amamentou exclusivamente no peito até 6 meses. Respeite a opinião do outro. Amamenta o filho com mais de 2 anos. Respeite a opinião do outro. Não vai colocar sal na comida do bebê até um ano. Respeite a opinião do outro. Vai permitir açúcar apenas após os 2 anos. Respeite a opinião do outro. Realizou a introdução Alimentar da forma de papinha. Respeite a opinião do outro. Introduziu os alimentos através do blw. Respeite a opinião do outro. Dorme no berço desde o primeiro dia de vida. Respeite a escolha do outro. Dorme na cama dos pais. Respeite a decisão do outro. Voltou a trabalhar e colocou na creche. Respeite a escolha do outro. Parou de trabalhar para ficar com o bebê. Respeite a escolha do outro. Deixa o bebê com a avó para trabalhar. Respeite a necessidade do outro. Vai usar fralda de pano. Respeite a escolha do outro. Vai fazer parto normal. Respeite a decisão do outro. Escolheu ou precisou fazer cesária. Respeite a situação do outro.

Tudo seria mais leve, ser pai/mãe não é fácil, você está fazendo escolhas que irão marcar o seu filho para vida toda, e as vezes você vai na contramão do mundo, para que seu filho tenha o que você entende como melhor para ele, e a única coisa que você exige é respeito.

Sou mãe do Noah, que nasceu prematuro e baixo peso, que proibiu algumas visitas no primeiro mês de vida dele e mesmo sendo recomendação médica, não foi respeitada e foi criticada. Mãe que decidiu amamentar exclusivamente até os 6 meses, e também não foi respeitada. Mãe que escolheu a cama compartilhada, iniciar a introdução Alimentar través do blw, não introduziu sal na alimentação do bebê até quase 10 meses e após com moderação e tentou proibir doce até os dois anos sem sucesso, mas o contato é mínimo. Mãe que amamenta até hoje e pretende amamentar até os 2 anos. Mãe que acredita na criação com muito apego, mas que acredita em limites. Mãe que já perdeu um filho e que suas escolhas tem muito haver com isso. Mãe que não quer que você concorde com ela em todas as suas escolhas, mas que quer que você as respeite.

Beijo

____

Siga no Instagram e Facebook @maternidadeintuitiva

Visite o blog maternidadeintuitiva.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s